Abrir Menu

O que é Microsoft Azure e como funciona?

Por Ana Beatriz Ferreira

É o momento, em definitivo, de prestar mais atenção aos benefícios das soluções em nuvem. Com uma quantidade cada vez maior de aplicativos e de ferramentas voltadas a este mercado, muitos profissionais têm se rendido a ele para a realização de seus negócios. Utilizar o Azure, por exemplo, a plataforma de nuvem para execução de serviços da Microsoft, pode ser uma escolha interessante.

Com diversas funções integradas, a plataforma é habilitada para soluções híbridas, que envolvem tanto um data center quanto a nuvem pública, de modo a possibilitar e a facilitar aspectos como armazenamento, backup e recuperação de dados. Neste sentido, ainda, une IaaS (Infraestrutura como um Serviço) e PaaS (Plataforma como um Serviço) de modo exclusivo na categoria de cloud computing.

Online a todo o tempo e com um suporte técnico que opera paralelamente a isso, Azure tem um acordo de nível de serviço, SLA, de 99,5% de disponibilidade, o que assegura a confiança de grandes empresas para transmissão de dados de eventos relevantes a pessoas de todo o mundo, por exemplo.

Entre outras características suas, é possível mencionar o fato de que dá suporte a quaisquer sistemas operacionais, além de idiomas, estruturas e ferramentas. Múltiplo e global, é executado em uma rede que abrange 13 regiões de data centers da Microsoft, o que permite usá-lo de diversos locais em todo o mundo, eliminando cada vez mais as barreiras que existiam em tecnologias anteriores a esta.

Para os utilitários, as soluções mais populares, atualmente, envolvem sites e hospedagem na web, aprendizado de máquina, back-ends móveis, banco de dados SQL relacional gerenciado e, ainda, implantação de aplicativos de clientes do Windows na nuvem.

Segundo dados do portal Microsoft By the Numbers, Azure atualmente está presente em 140 países. Além disso, 40% da receita da plataforma vem de startups e de ISVs, fornecedores independentes de software, o que demonstra também uma mudança na lógica dos negócios proporcionada pelo advento da computação em nuvem.