Abrir Menu

O futuro da central de gestão de serviços de campo para empresas

A prestação de serviços em campo tem evoluído a partir da utilização de recursos ligados à mobilidade e à inteligência artificial. Segundo a consultoria IDC o segmento de IA gerará receita de US$1,1 trilhão entre os anos de 2017 e 2021, o que impacta diretamente sobre empresas de serviços que atuam na área de Field Service.

Além de se preocupar com a satisfação do cliente, é fundamental que o negócio entregue qualidade na atividade final, mantendo seu time preparado para o futuro dos serviços em campo. Neste caso, engloba-se a tecnologia, hoje em evolução a partir de recursos como Internet of Things, IoT, ou Internet das Coisas, em português, inovações na indústria que garantem melhora de performance em Field Service Management, FSM.

Central de atendimento integrada

Para que uma empresa se desenvolva nos serviços em campo, as primeiras medidas devem ser aplicadas à equipe que atua em Service Desk, o que destaca a relevância de uma força de trabalho mais colaborativa a qual se inicia com aquela que permanece o dia em um escritório a fim de orientar seus parceiros de trabalho.

Todos os colaboradores devem estar preparados para lidar com a demanda do cliente por um tempo de resposta mais rápido, melhorar sua produtividade, aperfeiçoar a eficiência dos processos e otimizar a disponibilidade de ativos, solucionando mais problemas em menor tempo.

Tecnologia a favor de Field Service: agendamento automático, manutenção preditiva e muito mais

A partir da escolha de uma tecnologia que se enquadre no perfil da empresa prestadora de serviços, a utilização de novos recursos também aceleram e ampliam a qualidade do trabalho realizado na solução de chamados.

Com agendamento automático, por exemplo, incentiva-se uma atitude proativa do colaborador e, consequentemente, mais problemas podem resolvidos ao dia. A capacitação de despachantes para lidar com o painel interativo de agendamentos permite que as informações estejam acessíveis a todos e possam ser compartilhadas entre equipes, com acesso a histórico completo de ocorrências.

Em outro eixo, a manutenção preditiva pode ser uma excelente opção, já que realiza intervenções nas máquinas com base no histórico do equipamento e recomenda algumas ações de manutenção, possibilitando que somente sejam feitos reparos quando forem necessários.

Serviços em campo com inteligência empresarial

Para driblar dificuldades encontradas comumente por quem atua na área, como problemas relacionados a produtividade, agilidade e eficiência dos serviços prestados, a inteligência empresarial aplicada a Field Service coleta e organiza o grande volume de dados recebido, possibilitando que a equipe planeje novas estratégias de negócios e obtenha ganhos na execução de operações.

Digitalizando-se ordens de serviço, formulários de inspeção de segurança e requisitos de qualidade, por exemplo, todos têm conhecimentos sobre as etapas envolvidas na ação e operam para que a resolução ocorra à primeira tentativa.

O futuro de Field Service envolve, enfim, utilização bem planejada de tecnologia, associada ao treinamento e à condução adequada dos processos, que impacta diretamente sobre a produtividade.

Desta forma, a empresa se beneficia, diferencia-se em um mercado competitivo e auxilia a reduzir o estresse detectado com frequência entre a equipe profissional, auxiliada por um software de excelência. Ao garantir uma experiência final de qualidade ao cliente, todos prosperam juntos.

Gostou deste conteúdo? Então acompanhe nossas dicas em “5 formas de tornar sua central de serviços de campo mais lucrativa”.